5 Melhores Trilhas no Peru

Best Hikes in Peru

Todos os anos, o Peru recebe turistas em busca de aventura, e eles não poderiam ter escolhido um lugar melhor! O país é famoso por ter as melhores trilhas na América do Sul e algumas das melhores do mundo.

A trilha de Salkantay, por exemplo, está na lista National Geographic, mas não é a única que merece atenção. Nesta lista, você conhecerá as melhores trilhas no Peru.

Pra quem gosta de caminhadas, o Trekking, como é chamado o esporte, é obrigatório para quem está indo conhecer o Peru, assim como para os amantes de ar livre e natureza.

Lar da segunda maior cordilheira do mundo, a Cordilheira dos Andes, não deve surpreender o fato de o Peru oferecer uma variedade de trilhas e trekking.

A diversidade de paisagens e ecossistemas no Peru oferece uma variedade enorme de trilhas em diferentes ambientes,  cada uma delas, nos leva a conhecer lugares incríveis, muitos dos quais mal foram tocados pelo homem.

Se você é um profissional ou apenas um apreciador de caminhadas, aqui está uma lista das melhores trilhas no Peru para iniciantes e visitantes de primeira viagem.

 

5 Melhores Trilhas no Peru

Trilha Inca

A trilha mais famosa no Peru, que leva você a um dos locais históricos mais emblemáticos do mundo, o Machu Picchu, é por si só tão histórica quanto a Cidade Sagrada. Isso mesmo, a Trilha Inca é, na verdade, o mesmo caminho antigo usado pelos incas séculos atrás, para ir da cidade de Cusco até Machu Picchu.

No total, os Incas construiram mais de 40 mil quilômetros de trilhas para conectar todas as partes do seu território, que costumavam ir do Equador ao Chile.

Existem diferentes opções para aqueles que querem aproveitar esta aventura, mas a trilha clássica leva 4 dias e percorre 82 quilômetros entre o ponto de partida e o Machu Picchu.

Além das ruínas de Machu Picchu, ao longo do caminho, a Trilha Inca passa perto de muitas outras ruínas incas que só podem ser visitadas por aqueles que escolhem esta rota.

É importante notar que a Trilha Inca sobe para mais de 4.200 metros, o que pode causar o mal de altitude, então meu conselho para aqueles que querem fazer a Trilha Inca é se acostumar com a altitude primeiro, então se você estiver voando diretamente para Cusco, fique na cidade por pelo menos 2 ou 3 dias antes de iniciar a viagem.

É importante notar que a Trilha Inca é regulada e limitada, portanto, as reservas devem ser feitas pelo menos 4 meses antes.

Se caminhar em alta altitude por 4 dias soar muito extremo, você também pode chegar a Machu Picchu em um dia, saindo de Cusco.

Trilha de Salkantay

Considerada pela National Geographic Adventure Travel Magazine como uma das 25 Melhores Trilhas do Mundo, a Trilha de Salkantay é outro caminho antigo usado pelos Incas e localizado na mesma região da Trilha Inca.

Há muitas opções para os interessados em fazer esta caminhada, a rota mais longa leva 5 dias e também leva ao Machu Picchu, passando por locais naturais deslumbrantes.

Salkantay é uma montanha coberta de neve, considerada mágica pelos Incas e pela população local, localizada no meio da Cordilheira Vilcabamba, esta trilha sobe para 4.600 m, então, novamente, é importante passar alguns dias em Cusco primeiro para evitar o mal de altitude.

Para mais dicas sobre a trilha de Salkantay dê uma olhada nesse post 

Rainbow Mountain

Não tão popular, a Rainbow Mountain, também conhecida como Vinicunca, é uma montanha no meio do Vilcabamba, localizado perto de Cusco e pode ser feito como uma viagem de um dia.

A Rainbow Mountain recebe seu nome devido aos diferentes pigmentos naturais das rochas da montanha que a fazem parecer um arco-íris. É extremamente raro e só acontece em alguns lugares do mundo.

No caminho, você passará por belos cenários, lhamas e alpacas. Se a trilha for muito pesada para você subir, você também pode alugar um cavalo no caminho.

Trilha do Misti

O Misti é o principal vulcão na região de Arequipa, a segunda maior cidade do Peru, e é provavelmente o mais cênico do país devido a sua perfeita forma de cone e coberto de neve durante o inverno.

Subindo o caminho, você poderá chegar bem perto da cratera de Misti. Embora Misti ainda esteja ativo, sua última erupção aconteceu em 1985, é completamente seguro chegar perto do vulcão.

Se você ficar em Arequipa, você verá Misti de praticamente de qualquer ponto da cidade. Arequipa tem muitos terraços de onde você pode admirar seus vulcões, e uma das fotos mais bonitas pode ser tirada da praça principal, mas se admirar à distância não é suficiente, você também pode fazer os 2 dias de caminhada até o topo.

Cânion do Colca

O Cânion do Colca é um vale Andino com raízes incas, considerado há alguns anos como o cânion mais profundo do mundo, com uma profundidade de 3.270 metros. Terraços construídos pelos incas ao redor das montanhas ainda estão em uso pelos índios locais para cultivar.

Esta trilha é considerada por alguns como mais cansativa que a Trilha Inca, e devido à altitude, também pode causar algum desconforto e mal de altitude.

De Arequipa, a trilha do Cânion do Colca pode ser feita como uma viagem de um dia de Arequipa, ou você também pode optar para os 3 dias de caminhada, neste caso, você poderá visitar pequenas aldeias no caminho.

O Cânion do Colca também é famoso por ser o lar do Condor andino, a maior ave voadora do mundo por medição combinada, com uma envergadura de 3,3 metros. A experiência de ver este animal majestoso voando livre acima de sua cabeça é inesquecível.

Written By
More from Isadora

Visiting the Buckingham Palace Inside and Gardens

Pin5CompartilharTwittarCompartilharCompartilhar5 Compart. There are so many things about London that make it...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *